14.2.15

Glassdrive Tavira: Vela ao Vento

Na entrada de Tavira encontramos uma emblemática escultura de um barco à vela como homenagem ao povo dessa localidade na sua dedicação à pesca. Seguindo como que a rota traçada por essa vela, a Glassdrive Tavira mudou as suas instalações para a Estrada Nacional 125 na entrada de Tavira, ficando agora situada numa localização privilegiada e de fácil acesso.

A melhoria das condições para o atendimento ao público foi um dos objectivos atingidos com esta mudança, que era uma das prioridades estratégicas da gerência do centro Glassdrive.  Decerto que com estas novas instalações, o sucesso deste centro irá prosseguir alicerçado na qualidade do seu serviço e atendimentos

GLASSDRIVE  TAVIRA
EN 125 - Sítio de S. Pedro – Calvário
8800-255 Tavira
Tel/ Fax: 281 328 015
Horário Funcionamento: 09:00-13:00 / 14:00-18:00

                                           Sáb. Encerrado

9.2.15

A nova aventura da Saint-Gobain Sekurit


O novo JEEP RENEGADE tem como principais apostas o conforto e a optimização do bem-estar dos seus passageiros e para esses parâmetros os vidros fabricados pela Saint-Gobain Sekurit são essenciais para o atingir desses objectivos.


É por esses motivos, que este novo carro está equipado com o pára-brisas aquecido e com capacidade de isolamento acústico produzido pela Saint-Gobain Sekurit de modo a garantir todo a comodidade aos seus passageiros. Para enfatizar esse conforto, os vidros laterais da frente são laminados, incrementando assim os parâmetros de segurança e conforto.

É este mais um exemplo de cooperação entre duas empresas de modo a garantir a excelência da utilização dos seus produtos.

7.2.15

A história de uma Lenda

24 Horas de Le Mans

No desporto automóvel existem várias provas de referência, mas sem dúvida que as 24 Horas de Le Mans é uma das competições mais emblemáticas que existe que, devido à sua singularidade e história, apresenta um misticismo único. Ao longo de vários anos, as mais prestigiadas marcas automóveis têm disputado o título de vencedor desta prova, sempre com os melhores pilotos mundiais ao volante.


Esta corrida excepcional foi criada em 1923 por Georges Durand, natural de Le Mans, em conjunto com Charles Faroux e Emile Coquille que partilhavam uma forte paixão pelo automobilismo. À época, Emile Coquille era proprietário e director da revista “Roue Fil” e criticava de forma aberta os fabricantes automóveis por achar que os veículos não preenchiam os requisitos de segurança e performance publicitados pelos fabricantes. Surgiu assim a ideia de criar uma corrida de resistência com a duração de 24 horas de modo a que os veículos demonstrassem as suas reais capacidades. É assim que de 26 a 27 de Maio de 1923, e após consulta ao Instituto Meteorológico da época, decorre a primeira edição desta mítica prova, na altura com a designação de GRAND PRIX d´ENDURANCE de 24 HEURES "COUPE RUDGE-WHITWORTH", utilizando um circuito de estrada com uma extensão de 17.626 km. Nesta primeira prova estiveram presentes 33 carros de três diferentes países representando 17 marcas automóveis. Os ilustres vencedores desta prova inaugural foram os franceses André Lagache e René Leonard, que pilotaram um carro gaulês "CHENARD ET WALCKER SPORT", com 4 cilindros e 2.978 cc, equipados com pneus MICHELIN com uma velocidade média de 92.064 Km/h., percorrendo uma distância total de 2.209,536 Km.

Desde essa data que para os amantes do desporto automóvel o circuito de 24 Horas de Le Mans tem um significado especial e tornou-se um dos mais prestigiados eventos desportivos a nível mundial, sendo mesmo referenciada como a maior corrida do planeta. Com uma extensão de 13,629 km, o traçado emblemático de Le Mans já sofreu inúmeras adaptações, sendo na actualidade um dos circuitos de corrida automóvel mais extensos do mundo. Uma parte do circuito coincide com estradas nacionais abertas ao público durante todo o ano e os pontos mais emblemáticos são as curvas de Tertre Rouge, Mulsanne, Arnage, Casa Branca (Maison Blanche) e, principalmente, a reta de Hunaudières, que com uma extensão de 5 km permite aos protótipos atingir velocidades superiores a 400 km/ h durante um minuto. Esta secção do circuito foi alterada em 1990 com a introdução de duas chicanes, pois constatou-se que devido à elevada velocidade e insuficiente suporte aerodinâmico, alguns automóveis tinham tendência a levantar voo nesse trecho do circuito, aumentando assim de forma exponencial o risco de ocorrência de acidentes graves.

Ao longo das várias provas e diversas edições, as 24 Horas de Le Mans já viram desfilar mais de 3.000 viaturas, em representação das maiores marcas automóveis, e foram palco de lendárias proezas e actos de coragem por mais de 6.000 pilotos. Até à actualidade, o recorde de vitórias é do piloto dinamarquês Tom Kristensen, com nove triunfos. Já o recorde de vitórias por construtores é detido pela Porsche, com dezasseis conquistas. Para uma prova tão singular, existe uma série de recordes singulares e uma das mais particulares é a distância percorrida por um veículo, que até à introdução das chicanes na recta de Hunaudières estava na posse da dupla Helmut Marko e Gijs Van Lennep, que percorreram 5.335 km à média de 222,304 km/h. Após a introdução das chicanes, esse recorde foi ultrapassado pelo Audi R15 TDi em 2010, designado como carro #9, que completou um total de 397 voltas, percorrendo uma distância de 5.410,713km.

Muitas histórias decorreram e tantas outras vão continuar a acontecer nesta emblemática prova, mas a maior contribuição deste evento desportivo é, sem dúvida, a dimensão dos desenvolvimentos técnicos que se realizaram para optimizar a performance dos automóveis desportivos que posteriormente foram transferidos para as viaturas do dia-a-dia. Tecnologias tais como turbos compressores, design aerodinâmico, travões de disco e até mesmo limpa pára-brisas foram testadas neste circuito de modo a comprovar a sua eficiência e durabilidade, fazendo assim com que o espírito de criação desta competição esteja a ser respeitado, cumprindo com os objectivos dos seus criadores.


31.1.15

Fazer veículos mais leves!

Parceria Saint-Gobain Sekurit and Renault:
Objectivo: Fazer veículos mais leves!

A Saint-Gobain Sekurit e a Renault envolveram-se num projecto com a designação de Super Alma com um objectivo bem claro: inovar na produção de modo a reduzir o peso do vidro automóvel em cerca de 30 a 50% da sua massa, e ao mesmo tempo garantir as performances acústicas e mecânicas.


Este desafio teve uma resposta através do desenvolvimento do protótipo Eolab exibido pela Renault no World Motor Show que decorreu em Outubro. Este protótipo está equipado com um pára-brisas inovador com uma espessura de 3mm em detrimento dos habituais 4.5mm. Uma verdadeira inovação tecnológica.
Após dois anos de pesquisa, o desenvolvimento da estratégia para redução do peso resultante do vidro automóvel irá abordar as seguintes áreas: a redução da espessura dos laterais para 3mm com a utilização de vidro laminado como opção aos 3.5mm do vidro temperado utilizados actualmente, tal como a incorporação de formas complexas aerodinâmicas para o óculo traseiro produzidas em materiais orgânicos (polímeros envernizados) mais leves que o convencional vidro temperado.
A ambição é desenvolver um veículo que consuma somente 2L/ 100km e consequência desse facto reduzir a taxa de emissão de CO2 para 95g/km, valor esse que é o fixado pela Comissão Europeia para o ano 2020.
Este projecto contribui de forma estratégica para o objectivo da indústria automóvel para a construção de veículos no futuro com as premissas de ser um objecto de design, aerodinâmico e ultraleve.

Saint-Gobain – O Futuro é Hoje!


24.1.15

Saint-Gobain Sekurit e Alstom: Parcerias de Vanguarda

A Saint-Gobain Sekurit revelou recentemente o resultado da parceria estratégica estabelecida com a Alstom, empresa multinacional presente na indústria ferroviária para o desenvolvimento de um vidro multifuncional.




Apresentado no final de Setembro na Innotrans, a maior feira internacional de tecnologia de transporte, o vidro desenvolvido pela Saint-Gobain Sekurit foi uma das estrelas deste evento que é sempre marcado pelas mais recentes inovações tecnológicas existentes nesse segmento de mercado. Este novo vidro lateral para os comboios incorpora um LCD transparente que permite que o passageiro usufrua da paisagem e que simultaneamente visualize informação em tempo real tal como informação sobre a própria viagem, informação práticas, previsão meteorológica, etc. O LCD é controlado a partir do assento interactivo do passageiro e sem dúvida que este novo vidro irá marcar de forma indelével o futuro do conforto de todos os viajantes de comboio.

É através destas parcerias que se obtém mais valias que são depois disseminadas pelas restantes empresas do grupo Saint-Gobain permitindo assim que este se mantenha na vanguarda da inovação.







16.1.15

GLASSDRIVE PONTE DE LIMA

Na margem do rio Lethes

Na vila mais antiga de Portugal, voltou a escrever-se a história da Glassdrive com a renovação da estrutura local, que envolveu mudança de gerência e de instalações.



Terra de lendas e conquistas, decerto que as tradições minhotas de hospitalidade e de bem servir se farão sentir neste novo centro, que assim honrará os pilares da rede Glassdrive de qualidade de serviço e excelência dos materiais utilizados nos serviços de substituição e reparação de vidro automóvel.


GLASSDRIVE PONTE DE LIMA
Rua Espírito Santo, 7 – Feitosa
4990-337 Ponte de Lima
Tel/ Fax: 258 753 143
E-mail: ponte.delima@glassdrive.pt
Horário de Funcionamento:
09:00-12:30 / 14:00-18:30
Sáb. 09:30-12:30

8.1.15

GLASSDRIVE GUARDA

A árdua escalada

Na cidade mais alta de Portugal, a 1.056 metros de altitude no contraforte Nordeste da Serra da Estrela, o centro Glassdrive egitaniense mudou recentemente de localização e de gerência.

As novas instalações situam-se numa das artérias mais movimentadas da cidade da Guarda, a Rua António Sérgio, tendo como referência a proximidade da Central de Camionagem. A nova gerência é assumida pela equipa já experiente da Glassdrive Covilhã assegurando assim uma continuidade territorial na gestão dos centros Glassdrive.
Com uma forte componente de serviço móvel, este novo centro e equipa estão perfeitamente capacitados para vencer os desafios desta região serrana de modo a garantir que a Glassdrive esteja no topo de referência para os serviços de substituição e reparação de vidro automóvel.

GLASSDRIVE GUARDA
Rua António Sérgio, 43 R/c Dto
6300-665 Guarda
Tel: 271 027 146
Horário Funcionamento: 
09:00-12:30 / 14:00-18:30
Sáb. 09:00-12:30